Qual é o Horário Ideal para Fazer a Última Refeição Principal do Dia – o Jantar?


Algumas vezes me perguntam se há um horário ideal para fazer a última refeição do dia ou se há uma hora limite para o jantar.

A resposta é não! Não há uma hora limite, nem uma hora ideal!

O equilíbrio da alimentação é feito num todo e não baseado apenas numa refeição…

No entanto, é mais benéfico fazer uma refeição mais leve e comer umas horas antes de dormir no jantar, ao invés de comer imediatamente antes de deitar. Seja para quem quer perder peso ou para quem tem problemas digestivos ou de sono.

A distribuição dos alimentos ao longo do dia deve ser feita de acordo com o ritmo individual, horários e estilo de vida de cada um. E pense bem, fazer as refeições mais energéticas nos períodos do dia mais ativos e fazer refeições mais leves e menos calóricas nos períodos de menor atividade é vai te trazer muito mais benefícios, pois é uma refeição mais fácil de digerir e menos rica em carboidratos – nutriente que tem uma função exclusivamente energética no nosso corpo.

Quando o objetivo é perda de peso, esta recomendação faz ainda mais sentido. Se fizermos um jantar mais pesado e mais calórico e já não tivemos atividade noturna, o nosso corpo vai armazenar as calorias em excesso sob a forma de gordura como “reserva” para usar mais tarde.

O que acontece é que no dia-a-dia raramente temos necessidade de usar essa “reserva” porque não passamos por períodos de escassez alimentar, como acontecia com os nossos ancestrais. Conclusão, em vez de usar as reservas ao longo da vida, a tendência é acumular – levando à problemática do excesso de peso e excesso de gordura corporal.

Assim, em nossos grupos, aconselho que o jantar não seja uma refeição muito tarde e que seja constituído por alimentos leves, fáceis de digerir – saladas, ovos, queijo fresco, fruta, grelhados são boas opções.

E lembre-se, o equilíbrio é conquistado no todo. Não basta fazer jantares leves para que a alimentação fique equilibrada. Inclusive, se a alimentação não estiver bem estruturada ao longo do dia, vai ser mais difícil fazer um jantar leve sem esforço e de forma prazerosa.

Portanto, distribuir os alimentos ao longo do dia, em vez de ficar longos períodos de tempo sem comer e fazer 1-2 lanches no período da tarde pra nao chegar cheio de fome no jantar e não conseguir fazer uma refeição mais leve.

-

Eu resolvi criar uma edição especial grátis de um desafio para mulheres que desejam mudar sua relação com os alimentos e sofrem com o comer emocional e compulsivo: Desafio Alimentação Consciente . São 5 dias para praticar o Mindful Eating e comer com atenção plena. Clique aqui para saber mais.

Se você gosta de receitas saudáveis ​​e dicas de nutrição, saúde e comportamento alimentar, faça parte no meu canal no Telegram: https://t.me/patfigueiredonutri

Siga-me: https://www.instagram.com/patriciafigueiredonutri/